30 julho 2012

Compartilhando LUZ


CARÁTER – OBRA DE LUZ DA CONSCIÊNCIA
Para deixar o clima psíquico cair, é só se deixar levar... As pessoas adoram as coisas do mundo, que sempre passam. Idade, aparência, posses físicas... Tudo é coisa transitória. E quem pode comprar lucidez, discernimento, paz e amor real?
Um copo de bebida não mata a sede de amor e nem tira o vazio.
Ter poder sobre os outros não significa ter poder sobre si mesmo.
Viajar pelo mundo é bom. Mas, sem consciência, é apenas rodar no vazio. Conhecer o mundo não significa conhecer a si mesmo.
Um prêmio ou título acadêmico não garante sabedoria alguma.
A atitude conta mais, porque revela o que cada um é realmente.
E isso não é mensurado por valores teóricos, mas pelas opções assumidas. As provas da vida não têm hora para chegar. Elas simplesmente acontecem. É nas horas dos reveses que se vê a têmpera e o valor real que cada um comporta. Na maioria das vezes, a dor é o grande acelerador evolutivo das pessoas.
E nem sempre ela é visível e tangível. Pode ser interna, como a dor do vazio. Muitas provas acontecem dentro do coração do homem: são provas de caráter! *Todos passam por isso, desde os homens comuns até os iniciados e mestres. Só o Grande Arquiteto Do Universo é que sabe tudo! Só o Todo compreende o Todo. Diante das provas do caminho, o que vale é o caráter e a força do coração. E isso não se compra em lugar algum, nem é dado a ninguém. É valor de consciência. É intransferível e independe de idade, raça, sexo ou cultura. É atitude consciente. Cada um apresenta na atitude o que já carrega dentro de si mesmo. Isso é da vida. A luz vem de dentro, o amor flui do coração, e, se o espírito sair, o corpo desaba. Logo, o que é real vem de dentro. A força para vencer as provas está nisso! Ninguém compra caráter! Nem amor, nem luz, nem paz, nem lucidez, nem equilíbrio. Diante de um revés da vida, que valor transitório é capaz de segurar a onda? Viver nesse mundo sem o revestimento de caráter apropriado é loucura mesmo. Significa andar sobre espinhos com os pés descalços, ou viver sem sol no coração.
Encher a cara de álcool ou drogas não preenche o vazio de consciência. “Passar a perna em alguém” é o mesmo que cuspir para cima: sempre cai de volta... Deixar-se levar pelas coisas e situações sempre tem um preço: aumenta a fraqueza. Assim como se achar o máximo sempre leva a grandes derrapagens na jornada. Às portas da morte, o que brilha é o caráter do homem, não suas posses e ilusões. O que cada um pensa e faz é o que importa. É a sua luz que vale, não os seus títulos.  É na luz do coração que está a verdade de cada um. E só o Todo é que vê isso.

AGORA É SUA GRANDE CHANCE

Portanto, a tarefa mais importante de todas é conhecer a si mesmo! E, para isso, é preciso caráter. E isso não se compra. É estado de consciência. Da mesma forma, um coração medíocre não suporta um Grande Amor. E conhecimento profundo não cabe em mentes rasas. E quem é trevoso não quer luz.
Não há nenhum poder no mundo capaz de ensinar alguém a perdoar e a ser feliz. E quem poderá aplacar a dor do vazio existencial dentro do coração de outro? Mesmo com ajuda externa, o lance da cura é interno e intransferível. A eclosão da luz de dentro só ocorre mediante esforço e vontade de melhorar.
As ilusões levam aos abismos da dor e os arroubos de arrogância custam caro. Por isso, a dor chega aos homens, por dentro e por fora, para acabar com a inércia! Contudo, quando há caráter, há compreensão. E aí, a dor não gera mais revolta. Muito pelo contrário, traz lição. E isso não tem preço! É valor de consciência. E só o Todo é que sabe o que se passa dentro de cada coração. Todos passam reveses e altos e baixos em suas vidas. Isso faz parte da jornada. Mas quem quer mais luz, que seja luz! E reforce o caráter no que é real e valoroso. Ninguém sabe a hora de sua partida deste mundo – e nem o teor de suas provas. O que se sabe é isso: cada um dá ao mundo o que tem dentro de si mesmo. E, no final das contas, o que vale, na vida ou após a morte, é a luz que cada um leva. Ah, quem quer mais luz, que se acautele, estude e trabalhe por isso... E jamais desista, mesmo com toda pressão do materialismo do mundo dos homens. Isso não é doutrina, é caráter! É estado de consciência, não é um lugar ou templo. E de que adianta vestir uma roupa linda, se a própria aura** for uma miséria de luz? Ah, os iniciados espirituais estavam certos: “Quem quer mais luz, que seja luz!” E o mestre Jesus sabia das coisas, e ensinou: “A cada um segundo suas obras!” E não, Ele não estava falando só sobre as obras tangíveis e visíveis dos homens. Ele também se referia àquelas obras sutis, que estão dentro do coração. Aquelas obras da paz e da luz, que só o Pai Celestial é que sabe... As obras do caráter! Fonte: http://www.ippb.org.br


Ah, Jesus estava certo mesmo: “De que adianta a uma pessoa ganhar o mundo, se ela perder sua alma?”Dedicado a todos aqueles que, mesmo sob pesadas provas, ainda assim permanecem fortes e sinceros em suas jornadas espirituais, de todos os lugares e linhas, sem jamais renegarem a força do espírito em seus corações. Paz e Luz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário e volte sempre!

Informativo KMM

COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

BLOG: Informativo KMM

Minha foto

Com bela fotografia e conteúdos ecléticos, o BLOG Informativo KMM tornou-se um guia indispensável para o encontro dos profissionais e empresas do setor. Acompanhe e VISITE O BLOG! http://informativokmm.blogspot.com.br