21 outubro 2016

PELO DIREITO DE TERMOS CLICHÊS


abbey-road.jpg
Os efeitos de se deparar com pessoas que confundem gostar de algo óbvio com falta de opinião

Não sou a pessoa mais previsível do mundo. Geralmente não me atraio pelo comum ou convencional. Por outro lado, não sou do tipo que passa a menosprezar algo só porque outras pessoas também gostam. Não sou óbvio, mas também tenho os meus clichês. Aliás, sou do tipo que defende o direito de as pessoas terem os seus clichês, mesmo que às vezes tenham que enfrentar a arrogância de quem diz que tudo que faz sucesso não é bom.
No campo musical, talvez estejam os meus maiores clichês. Minha banda favorita é simplesmente a mais famosa da história: os Beatles. Poderia escolher algo menos batido, como alguma das tantas bandas ofuscadas pelo próprio quarteto de Liverpool, como a também muito boa The Animals. Mas não. Para mim, nada se compara às canções de John, Paul, George e Ringo.
Ainda sobre a banda, quando assisti ao show do Paul McCartney, no ano passado, em São Paulo, adivinha qual foi a música que mais me emocionou em meio a um repertório com mais de trinta canções? Exatamente, a mais óbvia: Hey Jude.
E meu guitarrista favorito? Não, não é David Gilmour e muito menos Pete Townshend. É Jimi Hendrix, considerado quase que por unanimidade o melhor da história.
E o meu álbum favorito é o The Dark Side of the Moon, do Pink Floyd, um dos maiores sucessos de venda nos anos 70 e tido por muitos como o melhor da banda. Poderia muito bem fugir do clichê, e dizer que Obscured By Clouds é o melhor disco do Pink Floyd, e que o A Momentary Lapse Of Reason é um álbum injustiçado. Mas iria totalmente ao contrário daquilo que eu acredito só para que parecesse, aos olhos de outros, que sou uma pessoa totalmente incomum.
Meus clichês, no entanto, não param por aí. Meu vilão favorito é o Darth Vader. Poderia ser Annie Wilkes, de Louca Obsessão, e pareceria que sou cheio de opiniões não convencionais. Isso pode até ser verdade, mas tenho direito aos meus clichês. Da mesma forma, quando me perguntam respondo que minha bebida favorita é café, que minha comida preferida é pizza e que morro de rir com Os Simpsons.
Sair da zona de conforto, conhecer novas experiências e ter diferentes olhares sobre um mesmo assunto é sempre enriquecedor, porém não é preciso se reprimir apenas porque tem interesse por algo que tantas outras pessoas gostam. Terminando com mais um clichê que adoro, simplesmente Let it Be.


PUBLICADO EM SOCIEDADE POR 
Fonte http://lounge.obviousmag.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário e volte sempre!

Informativo KMM

COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

BLOG: Informativo KMM

Minha foto

Com bela fotografia e conteúdos ecléticos, o BLOG Informativo KMM tornou-se um guia indispensável para o encontro dos profissionais e empresas do setor. Acompanhe e VISITE O BLOG! http://informativokmm.blogspot.com.br